SANTÍSSIMA TRINDADE

Webradio

Liturgia


domingo, 20 de abril de 2014

DOMINGO DE PÁSCOA

Domingo de Páscoa é o dia da ressurreição, onde Jesus se levanta de sua sepultura, e vence a morte. É o dia do grande milagre! O dia em que Cristo volta à vida através da Sua Ressurreição de entre os mortos. É o dia em que se celebra a vida, o amor e a misericórdia de Deus. “Não tenhais medo! Sei que procurais Jesus, que foi crucificado. Ele não está aqui! Ressuscitou, como havia dito!”

sábado, 19 de abril de 2014

SÁBADO SANTO

Neste dia, como no dia anterior, não se celebra a Eucaristia. É o sábado do silêncio! Nosso Deus desceu à mansão dos mortos. No dia do silêncio: a comunidade cristã vela junto ao sepulcro. Calam os sinos e os instrumentos. É o dia para aprofundar. Para contemplar. O altar está despojado. O sacrário aberto e vazio. Nos reunimos em retiro para meditar sobre o silencio de Deus... No Sábado Santo, inicia-se a Vigília Pascal, é considerada a mãe de todas as Vigílias. Nesta noite santa, a Igreja não celebra apenas a Páscoa de Jesus Cristo. Celebra também a páscoa dos cristãos, seus membros. Durante a execução da Vigília, o celebrante abençoa o fogo, símbolo do esplendor de Cristo ressuscitado que começa a dissipar as trevas do pecado e da morte.

quinta-feira, 17 de abril de 2014

SEXTA FEIRA SANTA

Sexta-feira Também chamada de Sexta-feira da Paixão. É o primeiro verdadeiro dia do Tríodo Pascal, que abraça e celebra os mistérios da morte (sexta-feira), do sepultamento (sábado) e da ressurreição (noite de sábado e domingo durante todo o dia) do Senhor. É celebrada a solene ação litúrgica, da Paixão do Senhor, e acontece a Adoração da Cruz. Os celebrantes usam vermelho, a cor dos mártires. Neste dia, é praticado o jejum, e a abstinência da carne em sinal de penitência e respeito pela morte de Jesus Cristo. È recitada a Via Sacra no seu ponto mais alto.

SANTA CEIA DO SENHOR

QUINTA-FEIRA SANTA É o dia da Última Ceia de Jesus Cristo com seus Apóstolos, onde Jesus humildemente lavou os pés dos seus 12 discípulos. É no momento do lava-pés que Judas Iscariote sai, para entregar Jesus em troca das 30 moedas de prata. (Jo 13,1-15) Foi aqui , que Nosso Senhor Jesus Cristo instituiu o Santo Sacrifício Eucarístico como sua eterna memória, e em seu último discurso, encorajou os discípulos a amarem-se uns aos outros. É nesta noite que Jesus é preso, interrogado e ao amanhecer de sexta-feira, açoitado e condenado. A Igreja inicia em vigília ao Santíssimo, relembrando os sofrimentos começados por Jesus nesta noite. A Igreja reveste-se de tristeza desnudando os altares, onde são retirados todos os enfeites, toalhas, flores, e velas (tudo para simbolizar que Jesus está preso e consciente do que vai acontecer Ele, em seguida). Depois Jesus dirigiu-se ao monte de Getsêmani, tomou consigo três discípulos, e começou a sua agonia nos jardins, onde foi preso pelos judeus. É neste momento que realizamos o translado de Jesus no Santíssimo Sacramento para uma capela ao lado da Igreja onde ficamos com Ele vigiando até meia noite. Á meia noite iniciamos o Ofício das Trevas, um conjunto de leituras, lamentações, salmos e preces penitenciais, onde a Igreja fica às escuras, iluminado apenas por velas que se apagam aos poucos durante a cerimônia. Esta forma de celebrar é responsável pelo nome dado ao ritual, que representa o luto e a escuridão à qual ficou sujeita a Terra diante da morte de Jesus. O Ofício de Trevas é um forte momento de oração e reflexão da vida e missão de Cristo, que conduz os fiéis à oração mediante a meditação da Palavra de Deus.

segunda-feira, 14 de abril de 2014

PARTICIPE TERÇA-FEIRA MISSA DO ENCONTRO

Terça-feira santa É o dia, em que com grande tristeza, Jesus anuncia a sua morte, causando grande sofrimento aos seus discípulos. Anuncia também a traição, e indica o traidor. A Missa do Encontro nos mergulha no sofrimento de Jesus e Sua Mãe. Celebra-se a piedosa procissão do encontro de Nosso Senhor dos Passos com Nossa Senhora das Dores com cantos penitenciais e presença dos fiéis. Jesus e Maria se encontram e proferem um diálogo. É o terceiro dia da Semana Santa, onde adentramos no mistério do sermão das sete palavras que Jesus proferiu na Cruz.

domingo, 13 de abril de 2014

PARTICIPE - MISSA DOS SANTOS ÓLEOS

Segunda-Feira Santa Neste segundo dia da Semana Santa acontece a Missa dos Santos Óleos ou Missa do Crisma. Nesta Santa Missa são benzidos os óleos do crisma, dos enfermos e do batismo, onde também todo os sacerdotes de nossa Arquidiocese renovam seus votos e promessas sacerdotais diante do Arcebispo Dom Jacinto. Acontece na Catedral Nossa Senhora das Dores.